quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Skol ataca no campo de batalha Aracajuano

As marcas travam uma batalha cada vez mais "árdua" para conseguir um espaço na mente do consumidor. E para vencer as estratégias de seus concorrentes, elas tem se mostrado de formas cada vez mais pertinentes e guerrilheiras.

Como exemplo, vemos o segmento de bebidas alcoolicas, que utilizam o ponto de venda como um meio de se divulgar. São marcas que se expõem através de mesas, cadeiras, cartazes e até em copos do próprio bar, que são patrocinados.

Observando uma carência no que diz respeito à marca, a SKOL encontrou uma nova forma de se expor. Ofereceu a oportunidade dos bares terem a sua própria "marca" exposta em uma fachada.

Ex.:


Com isso, a marca pára de limitar a sua divulgação dentro do ponto de venda e expande sua visibilidade para os consumidores que rodeiam o local.

Não sei como está sendo feita essa "troca" de favores com os donos dos estabelecimentos, mas provavelmente a Skol oferece uma marca para o bar e se passa como a boa camarada por seu altruísmo. Sendo que quando o dono do estabelecimento aceita essa proposta, a sua condição de não ter uma marca própria continua a mesma, e talvez até pior, porque ele está se padronizando com a marca Skol e acaba tornando sua identidade visual homogênea diante dos seus concorrentes.

Uma estratégia guerrilheira muito inteligente e que nasceu da simples sacada de perceber uma carência nítida no mercado.

Essas fachadas estão em vários cantos de Aracaju e podem ser vistas em muitos bares do Augusto Franco.

É uma chance de outros segmentos de mercado fazerem o mesmo, porque problemas como marcas e materiais presentes nos pontos de vendas também estão presentes em salões de beleza, mercearias e padarias, dentre outros locais.


ps: atenção para o nome do bar que você ver com essa fachada kkkkkkk Já vi Treeiller de fulano, SorriZo, Sanatana e outras pérolas kkkkkk

domingo, 25 de outubro de 2009

Entrevista com Marcelo Tas sobre Mídias Sociais

Achei essa excelente entrevista com o CQC Marcelo Tas, onde ele fala como a nova geração(digital) se comporta diante das mídias sociais.
Vale a pena conferir!
"não dá pra entender o que é o Twitter, entender o que é rede social, entender o que é o orkut, sem tá lá e sem participar"

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Guerrilha e Mídias Sociais


Ontem a agência Frente - Marketing de Guerrilha estava pedindo sugestões para um post novo no blog. Sugeri o uso das mídias sociais associadas às ações de guerrilha e eis que eles postaram:

Engraçado. Estamos usando uma mídia social para falar dela. Já virou lugar comum falar sobre "o fenômeno das redes sociais" e da sua importância blá blá blá... elas, não só para o marketing de guerrilha, mas para todo tipo de comunicação, são consideradas o boca a boca do mundo moderno. Então por que não usá-las como meio de divulgação ou até mesmo torná-las estrelas principais de grandes campanhas? Afinal, estamos na era em que trabalhar os nichos é a grande sacada, não é mesmo?

Em um antigo caso (talvez o primeiro), por exemplo, a Chevrolet convidou o blogueiro Rafael Ziggy para uma viagem pelo Brasil, onde ele visitava lugares, fazia fotos e vídeos para serem publicados no On the Road Again. Outro exemplo mais recente foi o da Espalhe que criou um personagem, onde Caio deixou de ser apenas Caio e se tornou Caio, o Sungaboy¹ que tem twitter e conta suas aventuras em um blog. Campanhas como essas oferecem a troca de experiências com os seguidores e admiradores da marca.Hoje, a grande maioria das pessoas querem ser ouvidas e produzirem seus conteúdos e "personagens" como esses só tendem a movimentar ainda mais esta ferramenta.

Apesar da última campanha citada ter bons índices de participação (vide comentários nas fotos do twitpic do Sungaboy) ela tem o apoio das mídias "tradicionais" ou jurássicas que poderiam ser abortadas nesse caso.
Vejam esse vídeo sobre mídias sociais. Bem legal!
Tema sugerido por @publisiridade através de nosso twitter

Comentário do @PUBLISIRIDADE:
O legal da mídia social é o que a galera da Frente disse: "são consideradas o boca a boca do mundo moderno". Guerrilha hoje em dia sem o uso dessas mídias é como cometer um pecado, porque o seu objetivo central é gerar o buzz² com baixo custo, virtudes presentes nesses meios.

OBRIGADO FRENTE!

domingo, 18 de outubro de 2009

Realidade Aumentada: uma realidade em Aracaju

Sei que para muitos o conteúdo desse post estará sendo considerado ultrapassado, mas como o principal público-alvo até então são amigos, acredito que a maioria nunca viu a Realidade Aumentada, muito menos sabem que tal tecnologia existe em Aracaju.

A Realidade Aumentada (AR - Augmented Reality) é uma tecnologia que virou tendência no mercado publicitário. Ela consisti na reprodução de imagens em 3D, misturando elementos virtuais aos reais, tudo a partir de um código impresso.
Para entender melhor o que eu disse, veja os dois vídeos abaixo. Onde o primeiro mostra o uso dessa tecnologia na venda de roupas e o outro mostra a interação que pode ser feita com o mundo real, no caso, é visto o uso de um protetor de tela para o Twitter.
Para os que viram algo parecido só em filmes devem estar se sentido entusiasmado com as possibilidades de uso dessa tecnologia para o meio publicitário.

O melhor de tudo é saber que em Aracaju, apesar de receber comentários "diminutivos" sobre o mercado, utiliza-se dessa tecnologia. A agência detentora é a Teaser Propaganda (criadora do case João e Lica). Acredito que ainda há barreiras entre clientes e agência para o uso dessa tecnologia, e os principais motivos devem ser verba ou coragem para inovar.

A primeira empresa a apostar nessa tecnologia foi a construtora Celi, que a usou para divulgar que o seu site já estava podendo ser visto pelo o iphone.
Foi por isso que iniciei o post falando que para alguns essa informação poderia estar sendo "velha", já que o seu uso se deu no mês de julho.
Aqui você vê o anúncio que eles veicularam:
É bom divulgar a real do mercado, pra ver se ofuscamos alguns comentários desnecessários.

ps: fonte de algumas informações e do anúncio no: prontofalei

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Promoção PUTZ GRILL

O dia 17 está chegando junto com a stand-up de @OscarFilho, integrante do CQC, que irá se apresentar no Teatro Tobias Barreto.
E para dar uma ajuda aos quebrados que nem eu, eis que surge a Promoção PUTZ GRILL, que você vê mais nesse post.

Para quem ainda não viu os comediantes que estão tendo a oportunidade de abrir a peça do CQC, aqui estão alguns dos vídeos:
A promoção está presente em várias redes sociais, como o orkut, facebook, twitter, flickr e em um canal do youtube, onde os vídeos enviados são colocados nele.

Ainda não mandei o meu, mas é só questão de tempo kkkkkkk
Mais alguém vai mandar?

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Meus minutos de fama na peça do Oscar Filho

Navegando ontem pela orkutosfera, achei na comunidade Publicitários de Aracaju a minha oportunidade de fama no seguinte post:

É isso mesmo!
Dia 17/10, no Teatro Tobias Barreto, vai rolar o stand up do CQC Oscar Filho. E você pode ganhar um ingresso para entrar na faixa! Quer saber como?
.
Grave um vídeo até o dia 15/10 contando a história mais sem noção da sua vida.
Envie o link do vídeo no Youtube para promocoes@mentesdigitais.com.br
O mais louco ganhará um ingresso para o stand up de Oscar Filho e ainda terá os seus minutos de comediante vendo a sua própria história no telão, antes da peça.
.
Faça como o João Pedro em "TIRE O REXONA DAÍ!":
.
*Esta promoção é válida somente para a cidade de Aracaju.

Fiquei feliz em ver uma promoção adequada a web 2.0 sendo feita em nossa cidade. Onde quem é fã, tem a oportunidade de abrir a peça do seu ídolo, ter a entrada 0800, além de ter seu vídeo sendo visto pelo o próprio Oscar Filho, já que é ele quem vai escolher o mais engraçado.
Vou contar a história do senhor de quase 90 anos que queria brigar comigo e também a famosa do biotecnologo. kkkkk
Graças a promoção estou tendo minha chance de ter meus minutos de fama \o/ kkkkkkkkkkk
Ah...
O próprio Oscar Filho twittou a promoção hoje:
@OscarFilho Sergipanos! Sábado estarei em Aracaju com meu show solo. Tá rolando uma promoção!http://tinyurl.com/ykwbhwn

Pra quem tiver afim de participar também, pois não quero pagar mico sozinho, aqui está o twitter, orkut, flickr e canal no youtube para a promoção.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

O primeiro flash mob Sergipano

Ainda não aconteceu um flash mob em Sergipe, não que eu saiba.
Coloquei esse título para atrair público ao meu blog quando eu fosse twittar: "O primeiro flash mob Sergipano". :P




Seria legal ver alguma ação feita aqui ganhando espaço na mídia de massa, ou como falo constantemente, ganhando mídia espontânea.


Mas o que é o Flash Mob?
Significa mobilização relâmpago. Essas ações objetivam chamar atenção para alguma causa ou marca, para depois serem viralizadas nas redes. Geralmente acontecem em locais públicos e são marcadas previamente através de e-mail, celular ou por redes sociais.
São ações simples mas que exigem energia, treino e disciplina.


Separei alguns mobs conhecidos, além dos que você pode ver nesse meu post.
Esse foi feito em Salvador, com parceria da Frente - Marketing de Guerrilha:
Esse foi no Rio de Janeiro:
E esse em Chicago:
Até hoje não sei qual foi o objetivo do primeiro mob que mostrei. Já pensou... andando no centro de Aracaju e um monte de louco simula uma cena de tiroteio? oO
O segundo foi uma divulgação feita pela Sony Bmg Brasil e o último mais uma ação fantástica da T-mobile, em parceria com o Black Eyed Peas. O grupo viralizou a coreografia para uns 600-800 fãs que repassaram para outros milhares. Esse está sendo considerado como um dos maiores mobs já feitos até hoje e um dos mais bonitos.




Voltando ao suposto flash mob Sergipano...
No sábado(dia 3) aconteceu a semi-final do coverama. Entre as bandas da noite, estava a excelente Amy Winehouse Cover, com os mesmos "dançarinos" do show passado. Os caras foram muito elogiados na comunidade do evento e foram inovadores trazendo esse tipo de apresentação.
Pensando na dança característica deles, ao sair de casa tava com o flash mob da T-mobile na cabeça. Pensei: "Se a Amy passar pra final vou sugerir a banda um mob pra essa dancinha, objetivando uma interação maior entre público e banda, para aumentar as chances de vitória e superar o que sempre rola, o amigorama. Pena que a banda não passou.




Tem muita coisa legal acontecendo pelo Brasil e algumas bem próximas da gente. Não é preciso ter grandes verbas para fazer um viral legal, um flash mob ou um PR Stunt.
Fica a ideia para outros mobs pela cidade. Ainda faço algum :)

domingo, 4 de outubro de 2009

AlmapBBDO utiliza ferramenta de guerrilha para as Havaianas Fit

Há algum tempo, conversando com Ramon Campelo(redator), disse que tinha interesse em trabalhar com guerrilha e que eu tinha um blog que tratava do assunto. Ele achou legal, me disse que a guerrilha e a internet seriam o futuro da comunicação. Cheguei a citar isso em algum post daqui, onde algumas pessoas comentaram e defenderam a propaganda tradicional, chegando até discutir construtivamente comigo. Isso é bom! :)
Em nenhum momento eu cheguei a dizer nesse blog que as mídias tradicionais iriam desaparecer. Nunca mesmo! Creio que tudo que vem de novo é pra se somar ao que já existe.
E essa questão de se discutir sobre guerrilha é uma coisa que incomoda alguns profissionais da tradicional propaganda.

Agora farei um paralelo a polêmica campanha da Havaianas Fit. Antes de tudo, quem ainda não viu o vt, dá uma olhada:
Isso já tá rolando na net há um tempo, mas ainda tem gente que não viu. O fato é que, de acordo com a AlmapBBDO(agência responsável pela criação), um grupo de idosos se sentiu ofendido e por esse motivo, a agência resolveu tirar o comercial do ar e colocou esse:
O que vocês acham que foi tudo isso? Realmente esse grupo de idosos reclamou? Ou será que foi uma ação de guerrilha?
Eu fico com a guerrilha. Mais especificamente, Marketing Invisível, uma das ferramentas desse segmento.
Vocês acham mesmo que um grupo de idosos se sentiu ofendido e reclamou sobre uma propaganda, sendo que a TV de hoje é repleta de mulheres seminuas dentre outras coisas mais?

Voltando ao que falei inicialmente...
Essa campanha da Havaianas Fit é uma prova de que a guerrilha está crescendo e que sua utilização de nada atrapalha as outras mídias, no caso, a TV. Foi utilizado o Marketing Invisível e Viral para gerar rodas de discurssões em volta do produto.
A guerrilha possui várias ferramentas, entre elas estão o viral, emboscada, invisível, PR stunt, astroturfing. Em todas o objetivo é de não se comprar mídia, diferente do que fez a Almap, que comprou. Ou seja, adaptaram a ação ao seu meio.

Essa ação se deve ao fato de que o consumidor não presta mais atenção em comerciais como antes. Isso é dito por profissionais de todos segmentos da comunicação. E adicionando a guerrilha à mídia tradicional, conseguiram o resultado desejado: fazer as pessoas se lembrarem do ocorrido e repassarem isso.

Enfim, uma grande adaptação para uma enorme idéia.

ps: ontem quase meia noite, me ligam dizendo que fui selecionado para o estágio na Mentes Digitais, para trabalhar com redes sociais. A outra seleção acontecerá hoje a noite no Augusto Franco. Espero que eu consiga :) Aprender mais sobre redes sociais num estágio vai me ajudar em muito na profissão de "publicitário guerrilheiro".